Arquivo

julho 2013

Posts em julho 2013.

Filmes

Dois filmes que me tocaram muito esse ano: “As Vantagens de Ser Invisível” e “O Lado Bom da Vida”

‘As Vantagens de Ser Invisível’ eu assisti há alguns meses atrás e gostei tanto que acabei depois lendo o livro também, ‘O Lado Bom da Vida’ eu assisti ontem e, é tão incrível quanto…

As Vantagens de Ser Invisível – Sinopse

Charlie (Logan Lerman) é um jovem que tem dificuldades para interagir em sua nova escola. Com os nervos à flor da pele, ele se sente deslocado no ambiente. Sua professora de literatura, no entanto, acredita nele e o vê como um gênio. Mas Charlie continua a pensar pouco de si… até o dia em que dois amigos, Patrick (Ezra Miller) e Sam (Emma Watson), passam a andar com ele.

 photo the-perks-of-being-a-wallflower-party-scene_zps477233bb.jpg

O Lado bom da Vida – Sinopse

Por conta de algumas atitudes erradas que deixaram as pessoas de seu trabalho assustadas, Pat Solitano Jr. (Bradley Cooper) perdeu quase tudo na vida: sua casa, o emprego e o casamento. Depois de passar um tempo internado em um sanatório, ele acaba saindo de lá para voltar a morar com os pais. Decidido a reconstruir sua vida, ele acredita ser possível passar por cima de todos os problemas do passado recente e até reconquistar a ex-esposa. Embora seu temperamento ainda inspire cuidados, um casal amigo o convida para jantar e nesta noite ele conhece Tiffany (Jennifer Lawrence), uma mulher também problemática que poderá provocar mudanças significativas em seus planos futuros.

 photo O_lado_bom_da_vida_zps4c843817.jpg


Gosto de filmes que abordam bastante o lado psicológico das pessoas sem análises científicas demais e sem transformar as coisas num bicho de sete cabeças, porque principalmente quem passa por algum distúrbio (ou não necessariamente), sempre se identifica com as historias – mesmo que a ficção não tenha nada a ver com sua vida.

Eu que tenho uma ansiedade digamos assim, mais ‘aflorada’ que o normal, trato disso nos dias de hoje e não é algo que se ‘sara’ de um dia pro outro. Aprendi que com o tempo você vai se conhecendo melhor e vai aprendendo a lidar com isso. Ambas histórias deixam a sensibilidade bem aflorada (principalmente quando a trilha é tão incrível quanto o filme).

Faz a gente pensar que os problemas muitas vezes são bem menores quando não exageramos ao se queixar deles… Que pensar positivo (sempre!), tem um poder imensurável e encontrar o lado bom dos acontecimentos da vida – Excelsior! – é o caminho mais curto e prático pra encontrar as soluções. Não é tão fácil na prática, mas também não é impossível, além do mais, se tudo fosse de mão beijada, a vida seria sonsa demais

“O mundo é difícil o suficiente, gente. Ele é lasca o bastante por si só. Será que ninguém pode dizer: – ei, vamos ser positivos? Vamos dar um final feliz pra história?”
(O Lado Bom da Vida)

“Não há nada como a respiração profunda depois de dar uma gargalhada. Nada no mundo se compara à barriga dolorida pelas razões certas.”
(As Vantagens de ser Invisível)