Backpacker: Copenhague – Dinamarca

De Amsterdam até a Dinamarca foram 15 fucking horas de viagem de trem. É claro que pegamos a opção de cabines com camas, então como dormimos na maior parte do trajeto o tempo passou mais rápido (e, é uma delícia viajar assim). Eu acho muito legal fazer uma viagem que você atravessa uma grande quantidade de quilometragens de um país pro outro (ou de vários países pra um outro), nós saímos de Amsterdam à noite, atravessamos a Alemanha e chegamos em terras escandinavas bem cedinho. E isso é bem interessante porque a paisagem muda, a cultura muda e as pessoas são diferentes fisicamente falando também, aliás, tenho que escrever sobre isso: tantos as dinamarquesas como os dinamarqueses, (na verdade, todos desses países nórdicos de um modo geral) são incrivelmente lindos. MESMO! Tipo, não são apenas pessoas bonitas, eles são realmente lindos; altos, elegantes e claro com o que eu mais amo: educados e super gentis. ^^

Copenhague

Copenhague é uma cidade pequena, mas incrível. Sim, apesar de ser começo de primavera, pegamos bastante frio. Situada nas ilhas da Zelândia e Amager, Copenhague é a cidade mais visitada dos países nórdicos, muito bem estruturada – tanto para quem vive lá, como para turistas – há muitos museus, cafés, lojas, restaurantes e vários pontos turísticos legais pra visitar. Não é caro para comer em Copenhague, DESDE QUE se pesquise bem pois tem restaurantes para todos os tipos de bolsos, a cidade como um todo é em si bem cara, a moeda é a coroa dinamarquesa, então é imprescindível fazer a conversão pra não ter sustos depois.

Lá ficamos no Generator Hostel, um dos mais legais que me hospedei e o mais barato que encontramos: café da manhã excelente e muito bem estruturado em todos os serviços. Pontos turísticos que vale a pena conhecer: Palácio de Amalienborg, Strøget, A Pequena Sereia (embora não seja lá aquelas coisas, vale pela história – pois é o símbolo da cidade), Gliptoteca Ny Carlsberg (museu da arte), Nyhavn (é recheado de cafés de restaurantes), Rundetarn (vale a pena pagar e subir até o topo da torre, você tem uma vista incrível da cidade toda). Acredito que dois dias são suficientes para Copenhague e acho que independente da época do ano lá, leve SEMPRE uma blusa a mais hehehehehe.

Juliana Esgalha Post por