Séries britânicas que amo e recomendo

Se eu for escrever sobre todos os seriados que assisto e já assisti eu teria que transformar esse blog em um blog só de séries. Assim como os livros, são muitos seriados pra pouca vida ehehe e ultimamente ando preferindo assistir séries a filmes. Eu gosto muito de seriados britânicos, mesmo que a produção não seja total britânica eu me refiro a história em si mesmo, aliás, acho que esse gosto é até por motivos óbvios porque, desde sempre vocês sabem que eu sou apaixonada pelo Reino Unido e toda a história que o envolve, então fiz uma listinha pequena (mas modesta) de alguns seriados que já vi e outros que estou acompanhando pra vocês:

Downton Abbey

20160614152146_programa-downton-abbey

“A série se passa em sua maior parte em uma propriedade, localizada em Yorkshire, e segue a vida os Crawley, uma família aristocrática inglesa, e os seus criados, no início do século XX, a partir de 1912. Já ganhou alguns prêmios também: entrou no Livro Guinness dos Recordes de 2011 como o “programa de televisão em língua inglesa mais aclamado pela crítica” do ano, no qual também recebeu o título de melhor minissérie no Emmy. No ano seguinte, venceu na categoria melhor minissérie ou filme para televisão no Globo de Ouro.” (wikipédia)

8yo7k

giphy

Downton Abbey é o must have quando se trata de seriados britânicos. Tem 6 temporadas e DA eu assisti muito rápido porque a história é incrivelmente envolvente. Quando eu estava assistindo eu sempre dizia ao Rick que era a nossa novelinha das 10 ehehehe. Me emocionei em muitos momentos, todos os personagens eram fantásticos e mesmo quando no meio da história uma das atrizes desistiu de uma personagem que era até relevante pra trama, a produção não perdeu a mão com o fio da história. Entrou pra minha lista de séries favoritas e quando terminou eu entrei numa DPS (Depressão Pós Seriado) e me senti orfã. No começo do ano, li algumas notícias informando que supostamente a série poderia virar um filme e estou torcendo pra que isso se concretize. Pra quem ama histórias da aristocracia inglesa, Dowmton Abbey é um prato cheio.

Call The Midwife

8jasuxc6m4njhhhkwn2pmwno83q

Call the Midwife é uma série de televisão britânica criada por Heidi Thomas, baseada nas memórias de Jennifer Worth no leste de Londres em 1950 que conta a vida das parteiras que viviam e trabalhavam naquela época.

tumblr_o2mci87fmt1uqzndfo1_500

tumblr_o3ovcor4ic1v3oeyko1_500

Logo depois que fiquei “orfã” de Downton Abbey, comecei a procurar por outro seriado que fosse na mesma linha britânica pra assistir. Quando li a sinopse dessa eu não achei muita graça pra falar a verdade, mas quando comecei a assistir me apaixonei logo no primeiro episódio. Call the Midwife é uma série fantástica e o mais legal é que absolutamente TO-DO episódio você tira alguma lição. A narrativa é incrível e a trilha sonora também não fica atrás. Por enquanto são 5 temporadas e eu estou aguardando a 6 que está prevista para janeiro de 2017.

Outlander

big_thumb_26b4de4e8c6b3d95cdc1a4a6c48afbe9

“Claire Randall (Caitriona Balfe) é uma enfermeira em combate em 1945. Ela é misteriosamente transportada através do tempo e mandada para 1743, e sua vida passa a correr riscos que ela desconhece. Forçada a se casar com Jamie Fraser (Sam Heughan), um cortês e nobre guerreiro escocês. Um relacionamento apaixonado se acende, e deixa o coração de Claire dividido entre dois homens completamente diferentes, em duas vidas que não podem ser conciliadas.” (Adoro Cinema)

giphy

outlander

Embora seja uma história baseada nos livros de uma escritora americana, a história é toda britânica. Se você quer um seriado britânico com menos temporadas, Outlander é uma boa opção porque por enquanto só tem duas e eu terminei de assistir a primeira neste final de semana. Quando começou eu não tinha me encantado muito, mas agora já estou completamente envolvida com a história, é o tipo de seriado que você quer sempre ver o próximo episódio pra saber o que vai acontecer. A fotografia é maravilhosa, os atores são ótimos e a história tem muitos momentos emocionantes, alguns violentos, outros engraçados e várias cenas picantes protagonizadas pelo casal Jamie e Claire. Pelo pé que terminou a primeira temporada, a segunda com certeza terá muitas reviravoltas, e pretendo começar a ver ainda essa semana. Devo mencionar a música de abertura também, que é linda!

The Crown

1280_the_crown_netflix_trailer

“The Crown é uma série de TV anglo-americana criada e escrita por Peter Morgan para a Netflix. A série é uma história biográfica sobre a família real do Reino Unido. A primeira temporada, que estreou em 4 de novembro de 2016, está disponível com 10 episódios. The Crown, o drama mais caro já produzido pela empresa de streaming Netflix e o primeiro a ser realizado no Reino Unido, irá traçar a vida da Rainha Elizabeth II do Reino Unido a partir de seu casamento em 1947 até os dias atuais.” (wikipédia)

the-crown-three

netflix-easy-haters-back-off-the-crown-the-crown-trailer

Mesmo sendo baseada em fatos reais sobre a vida da Rainha, The Crown não é necessariamente uma série histórica feita ao estilo de documentário. Muito pelo contrário, a trama é recheada de fatos emocionantes e abordagens bem complexas aonde muito se vê a Elisabeth mulher/irmã/mãe e a Elisabeth Rainha. É muito bom pra entender também como funciona a sucessão de tronos na monarquia, eu tinha um pouco de duvidas em relação aos Reis antes da Rainha, mas pra quem assistiu O Discurso do Rei, A Rainha (produção do Peter Morgan também) ou W.E. em The Crown fica claro saber quem é quem na linhagem real. Por enquanto só tem uma temporada porque estreou semanas atrás e eu terminei ontem de assistir a primeira. A fotografia e a produção desse seriado está fantástica e também não é a toa que isso tenha custado 130 milhões ehehehe, mas a forma como é contada é incrível, emocionante e envolvente. Netflix nunca decepciona. Sem contar os atores que são brilhantes e entre eles preciso mencionar John Lithgow que faz Winston Churchill e que está exatamente tão igual ao primeiro ministro que chega a ser assustador. Mesmo com alguns momentos em que se mostra o passado da Rainha ainda quando criança, a história mesmo começa em 1947, logo após a Segunda Guerra em que ela se casa com Phillip e logo em seguida assume o trono. Segundo li, obviamente a história seguirá uma cronologia e terá umas 6 temporadas que com certeza vou amar assistir todas.

1 comentário Comentário

  1. Scheyla

    Ahh eu amo seriados britânicos!!
    Já assisti DA até a 5ª temporada, até baixei alguns capítulos da sexta mas daí engatei outra série e não consegui ver ainda, assistia com minha mãe e ela também amou. Vou me sentir órfã da série qdo acabar de ver… buáaaaaa heheh
    E Outlander é MTO amor tb!! Aquelas paisagens me fazem viajar mto, o círculo de pedra, as highlands… um dia ainda vou conhecer pr’aqueles lados!
    bjus

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *