Arquivo

Maio 2013

Posts em Maio 2013.

Peru: Lago Titicaca – Puno

Resolvi deixar Machu Picchu como o ultimo post dessa viagem ao Peru, porque vi que tem bem mais fotos e bem mais coisas pra contar sobre esse lugar, então hoje vou falar sobre Puno, mais precisamente sobre o Lago Titicaca. Saímos de Cusco à noite e fomos pra lá de ônibus, que por sinal, são muito confortáveis, tem opções de leito então dá pra dormir numa boa durante todo o trajeto.

Chegamos super cedo lá, estava bem mais frio e Puno é ainda mais alto que Cusco, o Lago Titicaca é o mais alto do mundo, fica a 3821m acima do nível do mar e o segundo maior em extensão da América Latina. Olhando o Titicaca fica difícil de acreditar que tudo aquilo é um lago, parece um mar. O lago faz fronteira com a Bolívia, possui 41 ilhas, sendo que 9 delas são artificiais, uma das que visitamos é a ilha Chumi e foi bem interessante conhecer o povo que vive lá e todo o trabalho que eles tem pra manter a ilha – toda feita de juncos, inclusive, os barcos que eles navegam.

 photo 2013-05-04090408_zps223e610a.jpg

 photo 2013-05-04103854_zps8b49fac4.jpg

 photo 2013-05-04094630_zps5fc3f280.jpg

 photo 2013-05-04094438_zpsf7d24f7e.jpg

 photo 2013-05-04094329_zps3e2c7bfc.jpg


De lá continuamos de barco e com mais umas duras horas de passeio pelo Titicaca, chegamos na Ilha Taquile. E foi um passeio incrível, segundo nosso guia, o povo dessa ilha – cerca de 2500 pessoas, vivem isolados do mundo e vivem do que produzem na ilha e do que conseguem com as visitas turísticas através do artesanato. Os Taquiles usam trajes conforme o estado civil de cada um, por exemplo: as mulheres que são casadas, normalmente usam saia preta, blusa de cores sóbrias e xale. As moças solteiras também usam o xale, mas suas roupas são de cores bem vivas e com pompons coloridos nas pontas do xale.

Os homens usam calça e colete pretos, com uma cinta larga e colorida na cintura e junto à cinta levam uma bolsa onde carregam as folhas de coca (que eles mascam o dia inteiro). A diferença entre solteiros e os casados está justamente no gorro. Os solteiros usam um gorro branco e vermelho e os casados um gorro todo vermelho. E como saber se é casado, comprometido ou não? Simples: Se o homem solteiro está comprometido, ele usa o pompom do gorro para o lado e se está disponível, usa o pompom para trás. Bem interessante, né?

 photo 2013-05-04134659_zpsa5ec60e9.jpg

 photo 2013-05-04134150_zpsf64c394a.jpg

 photo 2013-05-04134127_zps5a6696e9.jpg


Foi uma experiência incrível, totalmente diferente de tudo que já conheci, é uma forma única de ver algo no mundo que é totalmente fora dos padrões de vida da maioria das pessoas. Vale muito a experiência. Sobre a cidade de Puno o que tenho a dizer é o seguinte: a cidade não tem nada! Há sim alguns bons restaurantes, ficamos numa boa hospedagem, mas nada além disso. O que eu recomendo é chegar em Puno cedo, visitar o Titicaca e as ilhas e, ou voltar no mesmo dia pra Cusco ou sair no outro dia bem cedo, que foi o que fizemos – voltamos um dia antes do nosso planejado no roteiro. Além de sentir mais ainda a altitude, na cidade realmente não se tem muito o que fazer, o que vale mesmo a visita até lá, é o Lago Titicaca.

 photo 2013-05-04153240_zps323c1aff.jpg

 photo 2013-05-04152534_zps6315d9e5.jpg

 photo 2013-05-04140606_zps37635500.jpg
Eu toda descabelada, apontando pra onde já é a Bolívia

 photo 2013-05-04155338_zps1bf338fa.jpg

 photo 2013-05-04155802_zpsd457c794.jpg

 photo 2013-05-04155645_zps1cb3df65.jpg


Saindo de Puno no outro dia bem cedo, nós fizemos a tal Rota do Sol que eu falei nesse post aqui. Passamos por lugares incríveis, um deles foi Abra La Raya que devido a altitude de ‘apenas’ – 4335m (sempre! ahauhahahuah) ficamos apenas uns 5 minutos lá e passamos por outros outros lugares bem legais.

 photo 2013-05-05153342_zps50de6d93.jpg

 photo 2013-05-05132712_zps4e629639.jpg


Chegamos de volta em Cusco no finalzinho da tarde… Cansados, mas realizados! Nada como um chá de coca e uma boa comida depois pra relaxar. Prometo não demorar com o post de Machu Picchu.

Peru: Cusco

Desculpem a demora pra começar a escrever sobre a viagem ao Peru, mas voltei na quarta-feira passada com muitas coisas pra contar e com uma rinite alérgica bem chata que, agora, carinhosamente virou uma gripe e me deixou um pouco derrubada. Enfim… Voltando a vida normal do dia a dia e agora olhando pra trás, essa foi, sem duvida, uma das viagens mais loucas no sentido de roots, que a gente fez.

 photo 2013-05-06121937_zpsc8a81cf8.jpg

 photo 2013-05-06121347_zpsaf91be2e.jpg


Machu Piccu, Huayna Picchu e outros lugares farei um post à parte, vou falar hoje sobre Cusco, que passarei algumas dicas boas pra quem vai ou pretende ir.

Não existe vôo direto pra Cusco. Você tem que ir pra Lima primeiro e de lá, ir pra Cusco (por ônibus ou avião). De avião, o trajeto é de 1:45 hs apenas. Cusco é uma cidade linda, mais precisamente o centro, aonde fica a Plaza de Armas, aonde é bem turística e muito bonita. É uma cidade limpa, o peruano é um povo bem receptivo e hospitaleiro… Cusco fica a sudeste do Vale de Huatanay (o Vale Sagrado), a uma altitude de 3400 metros e nessa época do ano o tempo é frio e (muito) seco. Nessa época, durante o dia a temperatura é bem agradável, mas pela manhã e à noite faz um frio bem geladinho mesmo.

 photo 2013-05-01130241_zps38beb58f.jpg

 photo 2013-05-01130216_zps26793048.jpg

 photo 2013-05-01130333_zps7ce2afe8.jpg


Cusco, como já falei já da altitude aqui e em outros posts, é uma cidade bem alta e dá pra sentir essa altitude quando você chega e conforme os dias se passam também. No primeiro dia é sempre recomendável fazer refeições leves, não tomar nada alcoólico, caminhar pouco e tomar chá de coca. Outra coisa que descobrimos foram esses remédios aqui que vendem em qualquer farmácia, mas no aeroporto você pode comprar de caixa fechada e acreditem: ajuda muitoooo a driblar a altitude que judia um pouco sim.

 photo 2013-05-01130551_zpsd156f972.jpg

 photo 2013-05-01170644_zps5083a628.jpg

 photo 2013-05-06155012_zpsb7148242.jpg


Cusco tem restaurantes incríveis por um preço muito barato. Você come como Rei. Comida chique, deliciosa e paga muito barato por isso. Os 3 restaurantes que mais gostei foram: Limo, Inka Grill e o Calle Del Médio, ficam todos no mesmo pedacinho da Plaza de Armas, então é fácil de achar e além desses, existem muitos outros que são incríveis – comida deliciosa e uns bons drinks também. A gastronomia do Peru é muito boa, uma das melhores que já comi.

 photo 2013-05-07215042_zpsbec2764b.jpg

Lugares que você precisa ir estando em Cusco, além de conhecer o centro que é muito bonito, existem outras atrações turísticas que são bem legais, alguns são de praxe conhecer, mas existem outros que quando tem uma recomendação, ficam mais legais ainda: Museu Inka, Monasterio Santa Catalina, Museu da Coca (ahahahahaha) e o Planetário de Cusco que é muitoooooooo legal… São passeios que estando lá, você não pode perder.

 photo 2013-05-07125939_zps1350fc8c.jpg
Fazendo o marido passar vergonha

 photo 2013-05-06200423_zps829a8053.jpg
No Planetário, com o Gandalf


Starbucks que também fica na Plaza de Armas tem um ótimo wi fi. Chá de coca é uma delicia e se você já pensa em tomar pra dar um barato, esqueça e procure algo mais forte (não me pergunte aonde), afinal, a ideia não é essa.

 photo 2013-05-07162253_zps46b24ba6.jpg
Entrando pro Monastério….. Pra conhecer!

Cusco tem muitos albergues e hotéis, nós ficamos no albergue Monte Horeb. É bem no centrão, perto de tudo, pegamos um quarto com banheiro só pra gente, com café da manhã incluso, tem internet e o pessoal de lá são uns fofos… Eles foram, inclusive, buscar a gente no aeroporto. Portanto, se você quando viaja, sempre fica em albergues, eu recomendo este. Além de bom atendimento (dão ótimas dicas de passeios) e confortável, é muito bem localizado.

Pra comprar lembrancinhas, o lugar mais legal e barato é no mercado de artesanato que fica na Avenida el Sol, tem uns 3 por ali e se você sempre compra lembrancinhas pra você e pras pessoas queridas, deixe pra comprar tudo lá, é bem mais barato. Peru não é um país rico. Cusco, na parte mais afastada não é bonita. Você vê pobreza sim, mas a cidade em si – com o centro cheio de riquezas históricas é um lugar magnífico, que acolhe muito bem os turistas de qualquer canto do mundo, vale muito a pena conhecer essa cidade!! (no meu Flickr tem mais fotos).