07 dez, 2018

Indo do Panamá pra San Jose na Costa Rica

Vamos lá!
Existem 3 maneiras de ir da Cidade do Panamá para San Jose na Costa Rica: avião, carro ou ônibus. Como somos mochileiros roots ahahahahaha e pobres (essa é a real), escolhemos ir de ônibus da maneira mais louca pra se ganhar tempo e economizar dinheiro – cruzar o país direto, sem paradas. Existem duas empresas de ônibus que operam nessas viagens, nós escolhemos a Tica Bus (que por sinal vai até o México) e por ter sido a mais citada nas pesquisas que fiz dos blogs de viajantes pela internet, optamos pela Tica. Compramos os tickets no terminal de ônibus da Cidade do Panamá (estação Allbrook do metrô) e minha dica é: escolha o ultimo horário e viaje a noite – é mais tranquilo, a viagem é direta (não contando com a parte da aduana) e, pelo menos foi o que fiz – você vai dormindo todo o caminho.

Nos informamos antes se não teria problema cruzar a fronteira sem uns formulários de entrada e saída que eu tinha lido em alguns lugares que obrigatoriamente precisava deles, enfim, como a moça da Tica Bus nos garantiu que não teria nenhum problema de entrar sem esses formulários (eu vou chegar nesse ponto mais pra frente), nós compramos as passagens (40 dólares) para o ultimo horário – meia noite e partimos.

Pra dizer a verdade eu dormi todo o caminho até chegar na fronteira, então pra mim, a viagem passou relativamente rápida e isso me ajudou bastante principalmente pra chegar (mais) descansada (dentro dos parâmetros de “conforto” que é viajar de ônibus né), mas chegamos em Paso Canoas (na fronteira) bem cedinho, por volta de umas 7 horas manhã.

Chegar antes disso não adianta nada porque as fronteiras só abrem mesmo as 8 da manhã e aí essa foi a parte mais cansativa da viagem porque você precisa passar pelas duas aduanas: tanto a do Panamá como da Costa Rica. Nessa parte rola todo o processo de tirar todas as malas do ônibus, policial revistar, cachorro farejar as malas, fila pra pagar a taxa de saída, viajantes de um lado, locais do outro, compra um café (pra relaxar!), carimba passaportes, mostra a carteirinha de vacina, confere passaportes antes de entrar no ônibus de novo e tudo isso em duas aduanas. Demorou um pouquinho, mas tudo correu dentro da normalidade.

Sobre os tais formulários de entrada e saída na realidade eles não me pediram nada disso, mas se paga uma taxinha pra todos esses tramites de um país para o outro, porém é mais tranquilo do que eu pensava, pois você faz isso com um funcionário identificado assim que você desce do ônibus, ele mesmo preenche esses formulários e não é como eu achava que já teria que ter esses papéis em mãos. Ah, essa parte vale um adendo: Além do passaporte que pedem (claro!) há duas coisas importantes que você imprescindivelmente precisa ter em mãos:

– Comprovante do lugar que você vai se hospedar;
– Comprovante da volta, no caso era o nosso voo do Panamá pra São Paulo;
– Carteirinha comprovando a vacina da febre amarela; (na verdade isso foi a primeira coisa que me pediram antes mesmo do passaporte) e de verdade, sem isso você não consegue entrar em nenhum desses dois países.

Enfim, eis que depois de viajar a noite toda e passar por todo o processo de imigração, 16 HORAS DEPOIS (!) chegamos em San Jose. Definitivamente essa é a maneira mais econômica de se cruzar a fronteira e dependendo de como está montado o seu roteiro de lugares, é o que mais vale a pena fazer. E acreditem em mim: não é nenhum um bicho de sete cabeças. Achei até que seria mais cansativo pelo tempo em si de viagem, mas como dormi a maior parte do trajeto, não achei tão puxado assim (eu fico muito mais arrebentada em viagens de avião, dá pra acreditar?), na fronteira não tem jeito mesmo, o processo é um pouquinho mais demorado porque é óbvio que não tem só você pra cruzar de um país pro outro, então o que eu recomendo é relaxar e seguir o fluxo de tudo, compre um café quentinho, siga as instruções dos policiais aduaneiros que não tem erro nenhum.

E como eu e Ricardo somos dois loucos viajando e como chegamos cedo na capital da Costa Rica, nós já tínhamos planejado de San Jose já ir direto pra Cartago, uma cidade ao lado (mais uma hora e vinte de trem ahahaha), que queríamos muito conhecer e que vou contar sobre no próximo post dessa viagem.

Juliana Esgalha

Tags: , ,

veja os posts relacionados

Deixe seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

1 Comentário

  • Avatar
    Mel
    dezembro 07, 2018

    Poooww agora tô ansiosa pro próximo POST!!! ♥️♥️♥️♥️♥️